“Indígenas não cedem em protesto no Equador contra o governo Correa”

Protestos de indígenas na sexta-feira. / EDU LEÓN – El País
Protestos de indígenas na sexta-feira. / EDU LEÓN – El País

[Indígenas lideraram o segundo dia de protestos em Quito, capital do Equador, que contou com a presença dos sindicatos. A marcha começou com uma cerimônia ancestral e o anúncio de que a manifestação indígena continuará por tempo indeterminado. Em seguida, os manifestantes deixaram o local onde estavam acampados, um parque ao norte da cidade, e caminharam em direção ao centro da capital para levar seus slogans o mais próximo possível da sede do Governo. Assim como no protesto da quinta-feira, um contingente policial controlava a marcha, mas desta vez não houve confrontos.

Os guardiões da comunidade sarayaku, os wio — cujo nome está relacionado a uma pequena formiga que vive na Amazônia e cuja picada provoca coceira, febre e até cegueira se atingir os olhos —, fizeram um cordão de isolamento e impediram que pessoas de fora do movimento interferissem na marcha.]

Leia o texto completo no El País.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s