“O que será do amanhã”, presidente Dilma Rousseff?

Dilma de nokvo
Presidente Dilma que pode cair antes de conseguir mudar a cara velha do Brasil – Reprodução: cenariotocantins.com.br

A presidente Dilma Rousseff está a mais ou menos um mês de ser defenestrada, definitivamente (sic), da presidência da república. [1]

Dificilmente escapa do cadafalso, como alguns, ingênuos, ainda acreditam. Mas como tudo é possível, é bom esperar até o desfecho do senado para se lamentar ou se festejar.

Perdido o “cargo”, Dilma Rousseff deve buscar dar direção nova à sua vida. Não se sabe , ainda, se ela fica por aqui, pelo Planalto Central, como “cidadã comum”, ou se vai, de mala e cuia, para Porto Alegre, para junto de sua filha e de seus netos.

A presidente já garantiu que não irá, como, aliás, é comum entre os ex-presidentes, criar uma organização social (fundação) para organizar a sua memória de vida e de sua passagem um tanto tumultuada pela política nacional.

Talvez ela não se ache suficientemente “velha” para uma coisa dessas e acredite que ainda tenha “muito que contribuir” com a história nacional.

Se for esse seu raciocínio, Dilma Rousseff está certíssima!

Das memórias

Já sugeri, em outras oportunidades, que Dilma Rousseff devesse escrever uma “memória” (um livro, uma autobiografia) de sua passagem pela presidência do conselho da Petrobras, pela chefia da Casa Civil, de Lula, e pela presidência da república.

Se fizesse isso certamente teríamos, ao melhor estilo Dilma, um texto duro, árido, daqueles que se encaixam numa frase (não original) que ela mesma usou no início de seu primeiro governo: “não ficará pedra sobre pedra”.

Luiz Inácio Lula da Silva não iria gostar nada, nada desse texto.

Conhecendo o pouco que conheço de “madame”, creio que ela não fará isso. Dilma continua fiel aos seus princípios e àquelas pessoas que a cercam.

Talvez alguém tenha, mais cedo ou mais tarde, de fazer isso.

Já me propus à jornada, mas nunca recebi qualquer tipo de resposta. Afinal, ela não me conhece e nem sabe quem eu sou.

Do amanhã

Ao contrário da arenga anti-dilmista (raivosa, desleal e injusta, diga-se) , a presidente é uma pessoa bem formada e extremamente capacitada.

Poderia, por exemplo, dirigir qualquer empresa, seja ela estatal ou privada. Talento e conhecimento ela tem aos montes; e experiência, então, nem se fala.

Dilma Rousseff poderia, também, por exemplo, dar aulas em sua área – administração, mais especificamente, administração pública.

Seria, certamente, uma ótima professora.

Ou, quem sabe, tornar-se uma pesquisadora, com bolsa da Capes.

Das ciências

Apesar das agruras que teve de enfrentar durante sua presidência, Dilma Rousseff foi a presidente da república brasileira que mais se preocupou com a ciência e com a tecnologia.

Não fez mais porque a insanidade do jogo político e a grave crise econômica não permitiram.

Pois então, fora da presidência, eis um bom caminho a ser trilhado: liderar um projeto de reconstrução da ciência, da tecnologia e da inovação brasileiras.

Expertise e estudos (que ela mesma “encomendou”) Dilma Rousseff tem de sobra.

Talvez lhe vá faltar apoio e dinheiro para a jornada.

Mas não custaria tentar, buscando caminhos e alternativas financeiras.

Nem sempre se concordou por aqui com as ”teses desenvolvimentistas” de Dilma Rousseff, mas, de outro lado, sempre se acreditou por aqui, também, que após as presidências de Rousseff o Brasil não seria mais o mesmo.

Não lhe deram tempo!

Paciência!

Mas livre das mesquinharias da política é bem capaz de ser este um ótimo caminho a ser trilhado e, quem sabe, ela viesse a mudar, pra valer, a cara deste país que anda de braços dados com o arcaísmo de nosso passado, sempre avesso às evoluções que a ciência e a tecnologia possam proporcionar.

Nota

[1] As aspas do título fazem referência à música “O amanhã”, por exemplo, em Simone –  https://www.letras.mus.br/simone/83043/ e em Dudu Nobre –  https://www.vagalume.com.br/dudu-nobre/o-amanha.html .

 

Anúncios

Um comentário sobre ““O que será do amanhã”, presidente Dilma Rousseff?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s