Discurseira danada comunista para provar que as esquerdas não perderam as eleições municipais

quanticaComeço confessando que não tive estômago para assistir às 2h52m11s da arenga de um dos dirigentes do PCO (Partido da Causa Operária), um tal de Rui Costa Pimenta, sobre as eleições municipais da semana passada.

Tenho uma explicação pra isso: nunca fui, desde criança, muito chegado a comer carne. Fiz isso exatamente no dia da eleição e meu estômago dói desde aquela fatídica data.

Também não sou muito chegado às genialidades de gênios improvisados como Pimenta que teimam em brigar com os fatos e com os números.

Aguentei uma hora da arenga, se tanto.

Quem tiver estômago e coragem pode assistir à discurseira clicando aqui.

Resumindo o quéquéqué pimenteiro: as urnas mentiram, os números foram falseados e os analistas são sociólogos que analisaram dados, vitórias e derrotas sem nenhuma sociologia.

É provável que Rui Costa Pimenta seja versado em física quântica e veja a torção do tempo-espaço que não vemos e que abre o universo a uma série de possibilidades, como a não derrota das esquerdas nas eleições municipais recentes, que não tivemos capacidade de enxergar.

Por exemplo, Dória teve menos votos que Zé Serra, mas mesmo assim (dizem os jornais e o TRE) Dória venceu Haddad, em primeiro turno, e Serra perdeu para o mesmo Haddad, em segundo turno.

O que, obviamente, é tudo uma falsidade. Uma distorção burguesa do mundo real.

Disse mais: disse que o PT não perdeu a metade das prefeituras que tinha antes, mas que teve menos candidatos para concorrer e que por isso – e só por isso – não conseguiu ganhar nos mesmos municípios e até, por que não?, aumentar o número de vitórias.

Muito didático!

Sobre o povo votante ou aquele se recusou a votar?

Ah, desses caras ele se esqueceu, não tratou deles não. Nem de suas vontades e de seus desejos.

Sabe como é que é. Com tanto tempo-espaço torcido alguma coisa iria acabar passando despercebida.

Passou tanto o povo votante, quanto o povo que se recusou a votar.

E, afinal, essa história de vontades e de desejos é coisa pequeno burguesa e todo bom comunista não leva isso a sério.

Genial!

Leia também

Bank Of America anuncia probabilidade de estarmos vivendo na Matrix

Anúncios

Um comentário sobre “Discurseira danada comunista para provar que as esquerdas não perderam as eleições municipais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s