A delação premiada que vale e o pênalti do Coronel Limoeiro

Finalmente na primeira metade do século 20 o futebol chegou a Limoeiro, no interior de Pernambuco.

A figura mais ilustre entre os torcedores era, óbvio, o mais ilustre dos limoeirenses: o Coronel Limoeiro.

Ignorante nas “leis” do esporte bretão, o Coronel Limoeiro ficou avexado com um tumulto que se deu em campo e entre os torcedores.

Não entendia a razão do rame-rame e exigiu explicações.

“Bem coronel, acontece que o juiz da partida marcou um pênalti”, explicou um correligionário.

O Coronel Limoeiro não estendia o que era pênalti e pedia mais explicações.

“Pênalti, Coronel, é uma falta que acontece dentro da área. A equipe que sofre a falta tem direito de chutar a bola contra o gol do adversário daquela marquinha redonda que tem dentro da área, e do time adversário só o goleiro pode ficar, mas embaixo da trave e sem se mexer para tentar defender o chute do adversário. Nesses casos é quase certo que saia o gol.”

“Esse pênalti tá na lei do futebol, homem?”, quis saber o Coronel.

“Tá sim senhor, Coronel”.

“E foi pênalti?”

“Foi sim senhor, Coronel”

“Então, se tá dentro da lei, manda bater o pênalti logo, homem, e acaba com  esse ruge-ruge todo”, determinou Limoeiro.

“Mas Coronel, o pênalti é contra o time de Limoeiro.”

“Oxe! Então manda bater contra o gol do adversário.”

 Das coincidências?

Lava Jato recusa delação de ex-diretor da Odebrecht próximo de Lula

http://www1.folha.uol.com.br/poder/2016/10/1821737-lava-jato-recusa-delacao-de-ex-diretor-da-odebrecht-proximo-de-lula.shtml

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s