Vem aí mais uma greve geral que não será tão geral assim

CUT
Crédito da foto: Blog do Mario Magalhães – UOL

Parte do cutismo (em referencia à CUT, óbvio) está prometendo uma greve geral para esta quarta-feira.

Eu sempre temo essas histórias de geral, ainda mais acompanhada da palavra irrestrita.

Quase sempre esses discursos não resultam em nada ou resultam numa coisa ampla e difusa, como a distorção da anistia do regime militar que acabou “inocentando” o grosso dos torturadores que deveriam estar presos.

A chance de que a greve, portanto, vá dar em nada ou em muito pouco é bastante grande.

Coisa de 1.000 por 1 – só para dar um número absurdo; mas tudo isso é muito absurdo mesmo, então estou perdoado.

Mas não deveria ser assim.

A menos que nós brasileiros estejamos contentinhos com os desmandos e as ameaças do governo tampão e interino de Michel Temer.

O que parece certo é que a maioria dos trabalhadores brasileiros deve deixar mesmo a CUT na mão, falando sozinha.

Boa parte da classe trabalhadora que foi às ruas – e foi, não adianta negar, nem mentir – esteve mais interessada em derrubar a Dilma Rousseff, em arrasar o Partido dos Trabalhadores e, principalmente, em inviabilizar a candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva para a presidência em 2018.

Esse povo – e é a maioria, sim senhores e sim senhoras – aparenta acreditar que apenas isso basta para exercer o sagrado direito ao mais do mesmo, às recorrências dos discursos e das ações moralistas, às repetição incansáveis em busca por salvador de pátria.

Já vimos essa história muitas vezes antes.

Pobre povo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s