E se as nossas lembranças não servirem para nada?

Novas mocas
MTS

Já me cansei de ouvir a mesma história sobre mim mesmo: você precisa escrever suas memórias; elas são muito ricas; devem conter muitos ensinamentos e experiências variadas.

Nunca hostilizei ninguém por me fazer esse pedido-sugestão quase agressivo e um tanto pornográfico.

Permaneço, na minha medida, com minha educação precária, mas não respondo malcriadamente como seria de se esperar de minha parte, ao abusado.

Recebi uma nova solicitação nesse sentido e esse novo assediador era um novato com o qual tive, até agora, parcos e exíguos contatos.

No primeiro parágrafo sai-me com um “sobre mim mesmo”.

Não necessitava formular a oração daquele jeito.

Bastar-me-ia usar ”sobre mim”, posto que eu estivesse falando de um interlocutor e não apenas de “mim” para “mim”.

Mas quis usar assim!

Firulas, reconheço.

Mas voltando à questão ou à proposição em si não vejo essa necessidade toda, nem sei se tenho o que falar/dizer e , principalmente, explicitar e/ou exemplificar.

Tenho preguiças!

“Macunaimicamente” sou um preguiçoso e sei de pronto que sou um sujeito parcial, “pela metade”, que nunca terminou nada começado.

Isso é literal e real (acreditem).

Então falar o que? Do quê? Sobre o quê?

Creio que não existam aí razões e eu nem as encontro.

Talvez devesse me impor a lógica de buscar agulha num palheiro. Quem sabe?

Creio que vez ou outra, meio confusamente, pincelo uma coisa ou outra a meu respeito e sobre aquilo que presumi ter visto ou penso ter visto.

Mesmo assim tenho a consciência (pelo menos isso!) de que são relatos parciais, medianos, medíocres, sem importância, dos quais ninguém sentirá falta

Fragmentos precários de partes apenas apanhadas por aí .

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s